Eu adoro quando as Noivas me contam todos os detalhe do seu Final Feliz, isso me faz sentir exatamente como foi esse dia e o quanto ele é único.

O Final Feliz de Edielsen e João teve muita emoção e ela me contou tuuudinho, bora lá:

Nos conhecemos através do Facebook, por causa de amigos em comum da igreja ele acabou
me adicionando. Começamos a conversar e depois fomos para o (falecido) MSN. Após várias
semanas de conversa marcamos nosso primeiro encontro presencial na praça da cidade. Levei
minha irmã (que não parava de tagarelar) mas foi uma experiência muito curiosa. Quando nos
despedimos, finalmente nos abraçamos, foi então que senti aquele frio na barriga. Eu no fundo
do coração sabia que ia sair algo especial dali. João foi a resposta das minhas orações. Estamos
juntos há 7 anos, contando 3 de namoro, 3 de noivado e 1 ano de casamento.

Uma das dificuldades foi a lista de casamento, essa danada sempre da confusão. Nós queríamos uma lista bem restrita de até 60 pessoas. Mas ela ia crescendo, até chegar a 100. Esse foi o limite. Aqueles infográficos nos ajudaram muito. Meu noivo foi bem conciso e firme e me ajudou a colocar principalmente pessoas que tinham importância para os dois. E que fazia mais sentido compartilhar conosco a maior experiência que não se limitava só a mim ou só a ele. Se pudéssemos faríamos uma festa com todos que conhecemos. Mas casamento é algo muito íntimo. Minha mãe ficou chateada com algumas decisões nossas em relação a lista, mas com o tempo ela percebeu nosso acerto e hoje além de entender ela apoia nossa decisão e aconselha outros casais sempre que pode.

Lista de convidados é um processo hein meninas, ainda mais se tratando de um Mini Wedding…kkkkk!!

Em relação aos Pais, eu acredito que é conversando que a gente se entente, por isso conversem com os Pais de vocês, exponham a realidade do casal, eles vão entender ;)

Mas a maior dificuldade durante os preparativos foi encontrar fornecedores que entendessem a proposta do nosso casamento. Nos planejamos para ter uma celebração com a nossa cara, sem aquelas mesmices, muito inspirada em Pinterest e blogs de casamento. Nos anos de
preparação eu percebi um mercado cheio de “vícios” acostumado com um padrão de festas e
muito fechado para novas ideias. Eu sou publicitária e fotografa e criatividade sempre me
acompanhou e quando eu trazia nas reuniões minhas novas ideias sentia uma certa resistência
em co-criar. Cocriação é um caminho sem volta. Os noivos não querem ser somente pagantes
ou simplesmente decidir entre A ou B. Eles querem baseados em suas próprias experiências
criar algo único. Muitos estão cansados de sempre ver mais do mesmo. O protagonismo dos
noivos ao se planejar um casamento é cada vez mais predominante e o fornecedor precisa
estar com a mente aberta, claro dentro das limitações de fornecimento, mas devem estar
abertos a criar algo novo.

E não precisa ser nada de outro mundo. “Menos é mais” e as
melhores coisas estão na simplicidade. Existe o medo do novo claro, mas imagina o casal que
está mergulhando de cabeça em algo novo (matrimônio) para toda a vida?

Por isso eis o meu conselho para todos os fornecedores:

1 Escute mais seu cliente. Antes, durante e principalmente no pós evento. Não fique chateado
com as críticas, agradeça e enxergue como uma oportunidade de melhorias, para o que os
próximos sejam melhores ainda. Melhor o cliente que diz, do que aquele que vai embora e
você não sabe nem sequer a razão.

2 Seja muito sincero com suas limitações. Se o cliente propor algo que você ver que inviável,
converse abertamente, fale o que possível fazer e o que não é, proponha algo dentro das suas possibilidade mesmo que altere o orçamento, pois a decisão final é do cliente. Assim você
pode ser mais que um fornecedor e sim um parceiro.

3 Esteja aberto ao novo. Por mais acostumado que você esteja a fazer o que faz e pelos anos
respeitáveis de experiência. Abra a mente para fazer sempre algo novo e melhor. Com
criatividade você pode fazer a mesma coisa que está acostumado de formas diferentes.
Eu tive vários fornecedores incríveis, mas dois em especial.

Juliana e sua família do Sítio Bangüe. Esse espaço foi amor à primeira vista, conheci ele
fotografando uma amiga. Desde esse dia ficava imaginando onde ficaria a mesa de bolo, os
bancos para os convidados. Minha cabeça foi a mil. Eles são muito atenciosos e buscam
sempre inovar, com novas mobílias, jardins cada vez mais bem cuidados, melhorias e reformas.
São incríveis. O espaço proporcionou um contato incrível com a natureza. É um paraíso bem
perto da cidade. Já estou pensando na próxima festa que darei lá!

O outro fornecedor que faço questão de falar foi minha cerimonialista Talita Lopes, da Como Você Sonhou . Essa mulher incrível! Nos conhecemos em uma capacitação na empresa onde trabalho. Depois que marcamos nossa primeira reunião, deu match na hora. Ela super entendeu minhas ideias
contribuiu para enriquecer, me ajudou nos preparativos nas pesquisas. Me ajudou a buscar
fornecedores. Sabe aquela pessoa que fala a mesma língua que você? Pois bem. Ela é assim,
sabe transitar facilmente entre conflitos além de ser muito proativa. Isso me ajudou demais,
ela foi meu braço direito. Esse foi um ano bem intenso pois eu estava em avaliação como
trainee no meu trabalho, tanto que eu não sabia se iria ficar após o casamento. Então Talita
tocou muita coisa que eu não conseguiria sozinha. Deixei minha mãe e irmã despreocupadas…rsrsrs!!

No dia do casamento o cuidado dela comigo foi ímpar! Até o cachorro ela se deu bem e não
teve medo, mesmo ele latindo de nervoso. Posso escrever uma carta só falando coisas boas.
Criamos uma relação muito bacana e hoje digo que Talita é uma amiga. Indico para todo mundo.

Gente, eu simplesmente AMEI essas dicas da Edielsen para os Fornecedores!

Eu sempre digo que vocês tem que procurar fornecedores que estejam de acordo com o SEU SONHO, com o seu estilo e perfil, pessoas que estejam alinhadas com as suas ideias.

Buscando outras inspirações de Casamento no Campo? Dá uma olhada nesses posts!

Por isso pesquisem, busquem referências e conversem, conversem muito!!

Meu casamento foi maravilhoso. Eu também sou muito realista daria uma nota de 90% em
relação com as minhas expectativas. Considerem que sou muito exigente e tenho um pouco de
experiências com eventos. Pois isso, sei que nenhum evento sai 100% como planejado (inclusive essa foi uma discussão que tive com Talita). Mas ouvir dos convidados o quanto foi
inesquecível, que foi o melhor casamento que já foram, que o casamento tinha nossa cara, que
comida não faltou…rsrsrs (sabemos que comida causa polêmica né amores?…kkkk!) tudo isso
supera aqueles 10% de qualquer coisa que eu não tenha gostado ou que deixou a desejar.

O meu conselho para as leitoras do Até que Enfim é que primeiro coloquem tudo nas mãos de
Deus. Antes da qualquer preparativo para a festa, vem a preparação para dividir a vida com
outra pessoa. Se preparem, conversem sobre o futuro. Permita que seu noivo participe das
decisões. E mais importante que agradar aos outros, lembrem-se de fazer o que querem e
gostam. Pesquisem nos blogs de casamento, faça uma pasta com o que gosta e compartilhe
sempre com seu noivo. Já pode começar pelo O Até Que Enfim, tem muitas referências que
pode te ajudar nesse momento de preparativos.

(Edielsen – Noiva)

Que lindo meninas! Preciso dizer algo mais? Acho que não ne!

Vamos as fotos!!

Edielsen e João, que alegria compartilhar esse dia tão lindo na vida de vocês, e como é bom ver casais jovens tão decididos e certos do que querem ;)

Que Deus abençoe a união de vocês!

Beijos, Nina.

Local da Cerimônia e Recepção: Sítio Bangue | Cerimonial e Assessoria: Como Você Sonhou | Buffet: Crepes Triunfo e Pizzaria do Bolão | Welcome Food: Padaria Pão Massa | Decor: Lavie Eventos | Alianças: Joias Personalizadas Recife | Robes: Robes Exclusivos | Papelaria: Carolla Craft | Mesas e Cadeiras: Pontual Locações | Bolo: Brito Doces | Doces: Cristiane Santos Doces | Som: Junior (amigo dos noivos) | Bolo de Rolo: Prima do Noivo | Vestido: Costureira Ângela | Make e Cabelo: Jeyse Make Up | Acessório: Alie Express | Fotografia: Djeisonz | Vídeo: Rodigo Lemos